sexta-feira, 16 de outubro de 2015

A RODA-GIGANTE DÁ VOLTAS, VOLTA...


...E QUER PARAR DE ROLAR NO BAIRRO DO FLAMENGO

uma CrôniCaRioca redonda

O Globo 16/10/2015


Este tipo de instalação – inaceitável em um cartão-postal perfeito do Rio que dispensa adereços – poderia ser bem-vindo em outra região ou bairro carioca, muitos deles sem opção de lazer para os moradores e carentes de tudo.

Trecho de RODA-GIGANTE NA ENSEADA DE BOTAFOGO É VETADA




A roda-gigante gigante agigantou-se, rodou, rolou, e quer parar de rolar no Parque do Flamengo para começar a rodar sobre seu próprio eixo: é a intenção do Rio View e do Instituto Lotta como conta hoje Ancelmo Góis, o conhecido colunista do O Globo. Há algum tempo os empresários pretendiam instalar o equipamento na ponta da Enseada de Botafogo, instalando-se, ao mesmo tempo, uma polêmica na Urbe CaRioca.

O alvo atual é igualmente uma área tombada, bem cultural urbano protegido, em si um ícone carioca, mas que não está só: é rodeado por símbolos cariocas e brasileiros que compõem uma de nossas principais paisagens, cartão-postal da cidade e internacional.

Segundo a nota os autores da proposta - insistente e extemporânea - afirmaram que “no projeto original do Aterro estava previsto um local específico para a montagem de um grande brinquedo ao ar livre”.


Tanque de Modelismo Naval, Aterro do Flamengo
Foto: Vela RC Brasil Express
Seria interessante saber que tipo de equipamento consta no projeto. Quem sabe foram o teatro de marionetes ou o tanque para modelismo naval, que não existem mais? Ou a Cidade das Crianças? Quadras enormes para jogar queimado e brincar de pique?

É de se estranhar que uma sociedade civil sem fins lucrativos que adota o nome de Lotta Macedo Soares apoie tal aberração, salvo se a ONG estiver interessada apenas em receber recursos provenientes da exploração comercial da atividade em alguma espécie de parceria.

Mas, é possível que esta singela CrôniCaRioca seja apenas fruto de pensamentos que giram em torno da nota jornalística sobre uma roda-gigante gigante - fora do eixo e maior do que roda londrina - destinada a concorrer com Pão de Açúcar, plantada – a nota, ainda não a roda - para testar reações.

Lembremo-nos de que o Conselho Municipal de Proteção do Patrimônio Cultural vetou a primeira tentativa.

Com a palavra, o leitor.
Urbe CaRioca

Internet



Aterro do Flamengo pode ganhar roda gigante maior que a London Eye
por Ancelmo Gois 16/10/2015 06:55
O Rio View e o Instituto Lotta, que perpetua o trabalho da arquiteta Lotta de Macedo Soares (1910-1967), uma das responsáveis pela criação do Parque do Flamengo, tentam viabilizar a instalação, ali, de uma roda-gigante.
Se sair do papel, será maior que a London Eye, da capital inglesa, que tem 135 metros de altura. O arquiteto é o mesmo: o britânico David Marks.
Segue...
Os autores da proposta destacam que, no projeto original do Aterro, estava previsto um local específico para a montagem de ‘‘um grande brinquedo ao ar livre’’.

3 comentários:

  1. Muito boa ideia. Iria atrair turistas, movimentar o comércio do bairro e consequentemente melhorar a segurança do Aterro. A única forma efetiva de melhorar a segurança de qualquer praça é a ocupação da mesma.

    ResponderExcluir
  2. Que parada mais absurda. Na boa, existe outras formas menos idiotas de atrair turistas, movimentar o comércio do bairro e consequentemente melhorar a segurança do Aterro.

    ResponderExcluir