sexta-feira, 11 de setembro de 2015

CLUBE FLAMENGO - ARENA ESTÁ A CAMINHO




O post CLUBE FLAMENGO – A ARENA DESTRAVADA foi publicado neste blog em 29/07/2015. Não houve retorno às questões sugeridas no final do artigo: Resta saber se hoje o Rio de Janeiro comporta, em meio a um nó de trânsito, o que pleiteia o clube da Nação Rubro-Negra. Espera-se que instituições afins analisem o assunto, e que a Prefeitura informe ao público as bases para sua decisão.


OG, 01/10/2014
Segundo a notícia parceria com rede de lanchonete vai viabilizar o projeto 

Nem a grande imprensa nem as instituições ligadas à arquitetura, urbanismo, engenharia de transportes, supostamente interessadas no tema, se manifestaram.
Entretanto, no último dia 04 o site Falando de Flamengo noticiou que o ‘Flamengo deve começar as obras da Arena este ano’ e que a ‘Aprovação por parte da CET-Rio era a única que faltava depois que o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) já havia concedido sua licença’.
A notícia afirma ainda que em breve o clube terá o aval da Prefeitura para a construção do ginásio com capacidade para 2.800 lugares, que será construída com recursos de uma rede de lanchonetes.
O site não informa se os parâmetros construtivos projetados estão conforme as normas vigentes. Por outro lado, é de se indagar se a cessão do imóvel ao clube admite a exploração comercial apontada – de uma cadeia internacional de fast-food, assunto para juristas.
A considerar a movimentação do processo que consta na página da Prefeitura na internet, tudo continua como antes no estranho documento que tramita desde 1984, portanto, há mais de 30 anos, ocasião em que o clube solicitou a aprovação de projeto para sua sede.
As indagações persistem: seria interessante conhecer a opinião das entidades que compõem o Conselho de Curadores do Desafio Ágora Rio: Mobilidade Urbana, sobre a construção do empreendimento no local e os decorrentes impactos sobre o tráfego nas vias e bairros que circundam o terreno do Clube Flamengo.

Abaixo, os posts anteriores sobre o assunto.

Urbe CaRioca


Imagem capturada em 11/09/2015 - site da Prefeitura do Rio de Janeiro

Lagoa, Gávea e Leblon eram bem diferentes. Época em que terrenos não valorizados foram cedidos a vários clubes, a Barra da Tijuca era quase inabitada, e o trânsito do Rio de Janeiro fluía.
Foto: Internet

Nenhum comentário:

Postar um comentário